O Programa de Formação da Escola de Artes e Ofícios Thomaz Pompeu Sobrinho – EAOTPS alia teoria e prática, possibilitando ao aluno (a):

  • O aprendizado de um ofício que o torne capaz de atuar na área cultural e artística, de modo a promover minimamente sua inserção social e econômica, através do desenvolvimento de suas potencialidades e habilidades manuais.
  • O despertar da sensibilidade artística e o reconhecimento de saberes e fazeres tradicionais que contribuem para a preservação do patrimônio histórico cultural material e imaterial do Ceará.
  • O desenvolvimento humano, através do acesso a diferentes linguagens artísticas, e uma relação de maior pertencimento com sua cidade, a partir de uma consciência cidadã sobre a importância do nosso patrimônio cultural.

Os alunos atendidos são prioritariamente oriundos de escolas da rede pública e/ou vivem em situação de vulnerabilidade social. Para a realização das atividades pedagógicas, todos recebem itens de segurança (EPI), fardamento, material didático, lanches diários e ajuda de custo para o transporte.

É por meio de suas “rotas de criação”, que os alunos têm a oportunidade de trilhar caminhos estéticos únicos e inovadores.

Conservação e restauro

Nos cursos de conservação e restauro de bens patrimoniais móveis e integrados são desenvolvidas técnicas e habilidades específicas e proporcionadas experiências de trabalho, a partir de uma metodologia de educação patrimonial.

Os alunos são capacitados para tratar aspectos de conservação preventiva e restauro de bens culturais (telas, esculturas, pinturas de edificações, publicações, etc), com aulas práticas e teóricas, gerando novos campos de trabalho para os jovens. São eles:

  • Escultura em gesso e madeira

  • Papel

  • Tela

  • Pinturas parietais

Gravura

São trabalhados os seguintes processos e técnicas de gravura/impressão tradicional: Xilogravura, Gravura em metal (Encavo), Litogravura e Serigrafia (estamparia). Através desse conhecimento, os alunos são incentivados a empreenderem e se inserirem no mercado gráfico e das artes visuais, valorizando assim uma linguagem artística que é própria do nosso Estado.

Através dos cursos da área da Gravura, os alunos dominarão técnicas tradicionais e artesanais de produção gráfica visual, além da precificação de produtos e conhecimento de mercado.

  • Xilogravura

  • Gravura em metal (Encavo)

  • Litogravura

  • Serigrafia (estamparia)

Artesanato

Nesta área de formação, os alunos aprendem a produzir peças artesanais (vestiário, adornos, utilitários, etc) e a comercializá-las, incentivando o empreendedorismo e enriquecendo o nosso mercado artesanal. São trabalhadas as seguintes tipologias: Couro, Costura e Bordado, Madeira e Argila (Cerâmica).

Os cursos de artesanato trabalham técnicas artísticas tradicionais do Estado, associado ao empreendedorismo e a técnicas de venda e precificação. Tipologias:

  • Argila (Cerâmica)

  • Couro

  • Fios e tecidos (Costura e Bordado)

  • Madeira

ONDE FICA A ESCOLA?

Skip to content